sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Madrugada


video


Madrugada. Uma lua distante no Céu.
A cidade apagada, e ela em sua casinha de papel
Está deitada, esperando um motivo para se levantar
Foi abandonada, dos olhos o brilho se apagou

E chama do caximbo foi a luz que encontrou
E a fuligem da fumaça vem da pedra preciosa que consome sua dor
Mas seus sonhos também !

Ela dorme, mas não consegue descansar
Ela anda - indo para nenhum lugar
Sua casinha é tão chique a beira mar....
Sua casinha é tão chique a beira mar....

Mas a pedra, Preciosa não pôde pagar
Então foram na casinha a visitar
E a chama do caximbo foi a luz (...) que a matou.
Pegou fogo sua casinha de papel...
Virou cinza - sua vidinha de papel
Quem vai colorir?

(Quero colorir...)

Nenhum comentário:

Postar um comentário